Janelas Abertas

Então eu desejo o caminho, difícil, mas um caminho em que você possa seguir, e mesmo com medo, enfrentá-lo e desconstruí-lo, para que você valorize cada conquista ou derrota. E vencer. Eu desejo vitórias. A sua maneira.

Anúncios

0d128ba95f235fb9fc77c233bfc0eadf.jpg

Depois de todo o medo, de toda a incerteza eu abro as janelas da minha alma e me permito recomeçar. Eram tantas amarras e desejos frustrados… Eram tantas definições incompletas e incoerentes que eu nem me permitia questionar a veemência delas. Somos permissivos demais quanto à ideia que fazem de nós. Permitimos a construção de outrem como verdadeira e nos apegamos a isso de tal forma que esquecemos que o caminho é nosso. Passamos um tempo suficientemente desnecessário encontrando as respostas para os problemas dos outros que nos frustramos ao menor sinal de turbulência em nosso dia-a-dia. Eu recomendo o apego de si. A (des)frustração (palavra criada) pelas irrealizações é longa, mas válida. Não tema se refazer; é necessário. Ainda mais quando reconstruir o caminho que nos condicionam a meros espectadores de nós mesmos nos mantém vivos e capazes. Arregace as mangas e parta pra vida com a faca e o queijo na mão. Você pode. As oportunidades são suas, as realizações ou irrealizações, absolutamente suas, é a sua vida. Viva-a.

Então eu desejo o caminho, difícil, mas um caminho em que você possa seguir, e mesmo com medo, enfrentá-lo e desconstruí-lo, para que você valorize cada conquista ou derrota. E vencer. Eu desejo vitórias.  A sua maneira.

14938230_368616416816961_4965405759731604654_n

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s