Quem Além de Você? Cap. 3

 

tumblr_m1oy0e5vty1qeccpho1_500_large

Cap 3.

14/02/2012 23hrs15s.

Foi quase uma senha pra te tocar.

 (…)

– Eu te amo.

– Oi?! Desculpe, não entendi, pode repetir?

– EU TE AMO!

E agora, o que digo? Como reagir a isso? Eu não posso acreditar. Estamos há tão pouco tempo juntos e ainda nem nos vimos pessoalmente, claro que desde que nos conhecemos estamos mais relaxados e passamos até falar sobre futuro, mas eu não posso entender como ele sentiu isso tão rápido. Como ele pode me amar se nem ao menos nos conhecemos? Passamos duas horas por dia conversando por vídeo e mais algumas horas por telefone, mas amor? Como assim: AMOR! O amor é um sentimento que requer profundidade e um monte de outras coisas envolvidas. Mas eu também sinto uma coisa estranha dentro de mim quando penso nele. Será que eu o amo? Ou eu já nem sei diferenciar amor de paixão? Existe diferença?

Enquanto meu cérebro processava aquela informação, não consegui lembrar se o silêncio foi por segundos ou haviam-se passados minutos, mas eu simplesmente não pude dizer nada, nem poderia quase pirei, por descrença mesmo. Não que eu não me ache capaz de ser amado, não é isso. Mas… Duas semanas? Eu não sabia se sentia o mesmo que ele ou se projetava meus sentimentos na minha vontade absurda de fazer com que desse certo. Eu apenas senti uma alegria dessas de fazer o estômago pular. Percebi que ele continuou falando quando de repente ele me disse:

– Você tá me ouvindo? Ele me tirou dos meus pensamentos como um soco na barriga.

– Ah, sim… Estou. Acho que é hora de dormir, já está bem tarde. Tudo bem? Falei meio atônico e desliguei sem esperar resposta.

Naquela noite não consegui dormir direito, passei horas virando de um lado para o outro da cama. A menos de duas semanas eu havia decidido que não me apaixonaria novamente e agora estava eu sentado na mesa da cozinha, feito um bobo, sorrindo por ter ouvido alguém me dizer ‘Eu Te Amo’. Eu não podia acreditar… E essas horas que não passa…

Só poderia ser coisa do destino, eu estava sendo testado. Tem que ser isso. No entanto sentia que queria estar com ele, mesmo quando peguei meu diário e reli um texto que escrevi dias antes onde prometia para mim mesmo que esperaria o tempo que fosse preciso pra viver um amor verdadeiro e não entraria mais naquele chat maldito. Ao final do texto ainda não conseguia acreditar no que havia acontecido e em todas as coisas que as palavras dele tinham refletido em mim. Eu me peguei pensando que não só fiz o que prometera não fazer (já havia me ferrado muito naquele bate papo idiota) como me apaixonei por alguém de lá. Isso não teria como dar certo. Até ali eu não havia considerado um dia como sendo o mais feliz dos breves dias que tivemos até ali, não até ele dizer que me amava. Eu havia encontrado o amor com o qual sempre sonhei, ou pensei sonhar. Não tinha ideia do que estava a minha espera e tinha certeza de que sentia o mesmo que achei que ele sentia, e nada do que eu pudesse viver depois poderia quebrar toda aquela conexão. Ou talvez eu estivesse completamente enganado.

(…)

Lembro-me de passava horas pensando nele e em como me sentia feliz por viver tudo aquilo. Ele me proporcionava os melhores momentos do meu dia. Mas na vida é assim: Muitas vezes não temos noção dos sentimentos até que sejamos totalmente tragados por eles de tal modo que nós percamos o controle sobre nós mesmos.

– Eu também o amo e direi a ele. Eu preciso que ele saiba que é correspondido. Disse em voz alta de frente ao espelho.

Desde aquela noite não havia um só dia em que eu não pensasse nele e em como seria nosso primeiro encontro. Os ‘Eu Te amo’ ao final de cada ligação se tornaram rotina pra ele, embora eu ainda não tivesse tido coragem de retribuir. Já havia se passado uma semana quando resolvi que era o momento de dizer que eu também estava completamente apaixonado por ele.

– Oi, anjo! Tudo bem? Liguei para te dizer uma coisa muito importante. EU TE AMO. Hoje percebo que nunca deveria ter dito palavras tão lindas. As três mais lindas quando estão reunidas, em minha opinião. Depois daí perdemos o controle de tudo. O amor perdeu lugar para a razão e nós só pensávamos no encontro que selaria tudo de bom que aqueles dias trouxeram. Mas eu não sabia que apenas eu estava inteiro naquele desejo de estar junto. Não tinha noção que depois daquele encontro planejado e tão esperado, seria o início do fim. Mas eu não sabia disso, se soubesse não teria chegado até ali. Não teria feito tudo que fiz. Não estaria contando esta história. Eu estava muito preocupado em simplesmente viver aquele amor, eu vivia para aquele amor. Esqueci de cuidar de mim, não é assim que o amor funciona? Amar não é sair do próprio mundo e pertencer a um mundo de outra pessoa? Mas era minha chance de ser feliz com alguém. Ele era exatamente como idealizei. Exatamente. Como não daria certo? Já havia dado certo. Ele e eu ficaríamos juntos pra sempre. E não haveria nada que nos separasse; só o tempo e tudo que ele nos pode conceder quando o vivemos sem atropelá-lo. Mas eu só sei mergulhar por completo, sem medo. Eu só sei ter pressa de felicidade, mesmo que ela não sendo a felicidade.

***

‘Eu Te Amo’ foi a válvula que precisava ser aberta para que pudéssemos dar vazão aos sentimentos que devem vir juntos com o amor, pois sem que nos déssemos conta passamos a nos falar mais vezes durante o dia e eu senti que aquele sentimento liberto pelas palavras abriram as compotas do nosso relacionamento. Naquele momento eu esqueci o destino, me rendi a ele e fechei meus olhos. Eu estava irremediavelmente apaixonado por ele. E eu tinha certeza que ele também sentia o mesmo por mim.

Capítulos anteriores:

Capítulo 2.

Capítulo 1.

PRÓXIMO CAPÍTULO EM BREVE!

Seja infinito!

Anúncios

Um comentário sobre “Quem Além de Você? Cap. 3

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s