Ternidade

“Então hoje eu apenas me permiti lamentar o fato de não estarmos juntos e aquele primeiro momento só existir na minha cabeça e não aqui fora.”

Anúncios

tumblr_lx7fvhmEQw1qfw98fo1_500_large.jpg

Hoje eu senti falta do seu beijo. Senti uma saudade quase cortante da primeira vez em que você me abraçou, do encaixar de nossas mãos. Eu não imaginava que poderia acontecer, essa saudade, esse desencaixe. Eu havia sentido todas as coisas boas do mundo, menos a sensação do entrelaçar perfeito de nossos dedos, do cruzar das dobraduras, da maciez, no calor. Meu coração nunca havia sentido aquele frisson, só sentiu as partes ruins do desprendimento. Nunca a do pertencer. Nunca aquele estardalhaço sutil de coisas boas que você me transmitia com aquele toque. Por isso eu senti falta do êxtase que meus poros absorvia quando seus dedos macios percorreram meu corpo pela primeira vez. Ali, naquele quarto quase no escuro, um silêncio de ouvir o peito bater, o seu cheiro, o meu cheiro. Naquele instante era a primeira vez que eu vivia todas aqueles emoções juntas. Eu sinto falta da sua gargalhada, da sua voz quase rouca, do seu braço forte em volta do meu pescoço enquanto eu dormia, do seu hálito gostoso. Eu sinto falta de todas as suas versões mais estranhas… Eu lembro de nós dois e a única palavra em mente é saudade, porque não há como possa descrever a vontade de reviver aqueles momentos. Eu me perdi em você como que se une ao seu par em uma dança harmônica. Eu me entrelacei ao seu corpo, naquela noite, naquela vida, como quem deseja apenas aproveitar a brisa de outono enlaçado por um edredom macio. Eu me lancei de tal modo na sua versão mais bonita e esqueci de deixar a porta aberta pro caso de eu querer sair na primeira briga, na primeira conversa séria desnecessária, na primeira lágrima… Pra não estragar tanto as coisas. Mas eu aprecio as partes boas de tudo. Eu sinto saudade de apreciar todo o contorno de uma vida que era pra ser feliz e se tornou pesada quando a leveza não pode ganhar espaço dos sonhos que construímos juntos. Então hoje eu apenas me permiti lamentar o fato de não estarmos juntos e aquele primeiro momento só existir na minha cabeça e não aqui fora.

14938230_368616416816961_4965405759731604654_n

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s